ALIMENTAÇÃO E A SAÚDE INTESTINAL PARA CÃES

Fernando Beraldi/ fevereiro 1, 2021/ Alimentação/ 0 Comentários

Nos últimos anos, muito tem-se falado sobre como a alimentação pode auxiliar na saúde do pet e mais especificamente, do intestino. Isso acontece pelo fato das pessoas estarem mais preocupadas com a qualidade de vida, saúde e bem-estar delas mesmas e de seus pets. Com o avanço da medicina veterinária, muitos estudos têm mostrado que, assim como ocorre em humanos, existe uma correlação entre boa alimentação e a saúde.

O intestino desempenha diversas funções no organismo, entre elas podemos destacar a proteção e a absorção de nutrientes. Mas para desempenhar suas funções corretamente, ele precisar estar saudável e bem nutrido, o que ocorre por meio dos nutrientes vindos dos alimentos e que são digeridos no próprio intestino.

Uma boa alimentação é importante para a integridade intestinal, pois cerca de 50% das proteínas ingeridas na alimentação, incluindo alguns aminoácidos como a glutamina, são utilizadas pelo intestino para a manutenção de suas mucosas e renovação celular, que ocorre a cada 3 a 5 dias. Além disso, uma importante parte
da nutrição das células intestinais ocorre por meio de nutrientes derivados da fermentação realizada pelas bactérias intestinais benéficas. Outra função importante do intestino é a de defesa.

Cerca de 70% de todas as células de defesa do corpo estão presentes no trato digestório que, junto com as bactérias benéficas do intestino, atuam na proteção do organismo por meio da digestão dos microrganismos e compostos nocivos, formando uma espécie de barreira física à entrada desses compostos.

Entre os ingredientes importantes para a saúde intestinal, podemos destacar os ricos em fibras e os prebióticos. As fibras desempenham papel importante na regulação do trânsito intestinal e formação adequada das fezes.

Existem diversos tipos de fibras com diversas funções que, juntas, se complementam e trazem benefícios importantes para a saúde intestinal. Entre os ingredientes ricos em fibras, podemos destacar os cereais integrais, que por serem menos processados, são mais completos e ricos em nutrientes, a polpa de beterraba, o psyllium e a casca de aveia. Além disso, o mix de fibras associado a uma proteína de alta absorção e ao Extrato de Yucca, auxiliam também na redução de odores das fezes, o que é bastante interessante para cães que vivem em ambientes internos.

Já os prebióticos, são fibras que não são digeridas pelo organismo, mas sim por bactérias benéficas, de maneira seletiva. Assim, os prebióticos atuam estimulando o crescimento e a atividade dessas bactérias intestinais benéficas e a imunidade do cão, colaborando não somente para a saúde intestinal, mas também para a saúde como um todo. Os prebióticos mais conhecidos são os mananoligossacarídeos, conhecido como MOS, encontrados na parede de algumas leveduras e os frutooligossacarídeos, conhecido como FOS ou inulina, encontrado em vegetais.

Pensando nisso, toda a linha Guabi Natural Cães foi desenvolvida para auxiliar na saúde intestinal e trânsito intestinal regular, pois conta com ingredientes naturais, como os cereais integrais, e com um mix de fibras composto principalmente por polpa de beterraba, semente de psyllium, MOS e Inulina, colaborando também para a adequada formação de
fezes. Além disso, é enriquecida com o ingrediente Extrato de Yucca nas linhas Cães Porte Mini e Pequeno e Porte Médio, auxiliando na redução do odor das fezes.

A linha Guabi Natural foi cuidadosamente desenvolvida para garantir uma alimentação variada, com frutas e vegetais, trazendo o equilíbrio ideal entre os grupos de ingredientes e nutrientes essenciais para cada porte e fase de vida, para que os pets tenham uma vida mais longa e saudável. Também é conservada com antioxidantes naturais, não possui adição de
ingredientes transgênicos, corantes e nem aromas artificiais.

Share this Post

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*